Compartilhe

Para uma história do mundo real virar um viral na internet, ela precisa ser impressionante, exagerada e inacreditavelmente ridícula. Eu já escrevi sobre muitas coisas ridículas na internet, e várias delas eram bem exageradas. Essa aqui entra com facilidade na lista de histórias que correrão o mundo pelo conjunto geral da obra, que soma o superlativo com o ridículo de forma quase mágica.

O protagonista desse post é o Apple AirPods. Esse fone de ouvido que foi muito zoado na época do seu lançamento por conta de possíveis perdas de auriculares por causa da eventual empolgação dos usuários ao escutarem as suas músicas com o máximo de volume possível acabou se tornando referência, e fez com que um mercado inteiro crescesse ao seu redor.

Obrigado, Apple! Obrigado mesmo… por ter inspirado a Xiaomi a fazer fones razoavelmente bons e com um preço relativamente baixo o suficiente para que caras pobres como eu possam comprar e ouvir as suas músicas em qualquer lugar.

De qualquer forma, é algo mais que normal ver os internautas procurando e comprando os AirPods na internet, em lojas online. Ainda mais em tempos de confinamento. Não dá para arriscar a saúde para sair de casa apenas para comprar um par de fones de ouvido.

O problema é que nem todas as compras feitas pela internet são boas compras, e um ótimo exemplo disso foi o que aconteceu com essa compra online realizada em Dubai (Emirados Árabes Unidos).

 

 

 

Recebeu (muito) mais do que esperava

 

 

Uma menina decidiu comprar os Apple AirPods na Amazon. Até aí, tudo bem: estamos falando da maior varejista do mundo, que é sempre muito respeitada… mas que abre espaço para que vendedores das mais diferentes índoles anunciem os produtos.

E como tem muita gente por aí que não lê as letras miúdas do anúncio…

Tudo parecia correr bem no processo de compra, especialmente na parte da entrega: o pacote estava seguindo para a residência da compradora em um bom ritmo e sem qualquer tipo de atraso. Porém, quando a cliente recebeu uma caixa muito maior do que ela esperava, ficou fácil desconfiar que algo não estava tão bem assim.

Ao abrir a caixa, a compradora encontrou nada menos do que um par de AirPods… de um tamanho inesperadamente enorme!

A moça publicou uma foto no Twitter com o conteúdo da caixa recebido. O item realmente tinha o formato dos AirPods, mas eram tão grandes que poderiam matar alguém se fossem utilizados como arma para golpear alguém (muito provavelmente o vendedor da Amazon, que fez essa piada sem graça com a menina).

Algumas pessoas no Twitter chegaram a responder a foto afirmando que aquilo era um secador de cabelos e não fones de ouvido gigantes. De qualquer forma, a Amazon vai reembolsar a compradora pelo produto recebido, já que está mais do que comprovado que tudo era um golpe por parte do vendedor, mas reforça também que a confusão pode ter ocorrido por um erro de logística na hora da cliente fazer o pedido.

Moral da história, amigo leitor: sempre vale a pena perder alguns minutos lendo com atenção o texto do anúncio na Amazon ou em qualquer e-commerce. Você pode em algum momento levar gato por lebre. Ou, nesse caso, um secador de cabelo em forma de AirPods gigante.

 

 

+info


Compartilhe