Compartilhe

Muito se discute nos últimos tempos sobre a real definição de um smartphone top de linha ou smarpthone premium. Muita gente entende que, para ser chamado de “premium”, um telefone não pode se contentar em ter um forte processador, grande quantidade de RAM e um enorme armazenamento. É preciso ter também um acabamento de alta qualidade e recursos avançados.

Já outros usuários entendem que um smartphone já pode ser chamado de top de linha se tiver o processador mais potente desse ano (ou do ano passado) e entregar boas configurações adicionais, independente do acabamento do dispositivo em questão.

Já eu prefiro chamar o Meizu 16T de “Pocophone wannabe”.

 

 

Com características de smartphone top de linha

 

 

E não estou desmerecendo o Meizu 16T. Ele é um ótimo smartphone, com um processador Snapdragon 855, grande quantidade de RAM e vasto armazenamento. Ou seja, tudo o que podemos esperar de um smartphone completo e de alta qualidade.

Porém, ele se aproxima do Pocophone F1 no seu conceito geral.

Não chama a atenção no design, não quer entregar todos os recursos que o melhor smartphone do mercado (de uma marca mais famosa e que custa bem mais caro) pode ter, mas se vale pelo equilíbrio dessas especificações para uma melhor relação custo-benefício.

E é justamente nessa teoria que o Meizu 16T está bem calcado. Seu preço máximo é de 315 euros (8 GB RAM + 256 GB de armazenamento), ou seja, além de ser competitivo para a maioria dos usuários que são considerados o “público alvo” para esse produto, ele entrega um preço que é muito menor do que aquele cobrado pelos modelos premium de outras marcas.

É mais ou menos a estratégia que a Xiaomi adotou com o Pocophone F1. E se funcionou para a Xiaomi, deve funcionar para a Meizu. Afinal de contas, não podemos dizer que o Meizu 16T é um produto que deve ser ignorado ou subestimado por causa de suas especificações.

Pelo contrário. Se ele é considerado por mim o “Pocophone wannabe”, significa que o potencial do dispositivo é enorme para fazer sucesso e vingar nesse competitivo mercado mobile.

 

 

 

Meizu 16T: Especificações Técnicas

Tela Super AMOLED de 6,5 polegadas, com formato 18:6:9.
Resolução de tela de 2.232 x 1.080 pixels.
SoC Snapdragon 855 com CPU Kryo de oito núcleos e GPU Adreno 640.
6 GB RAM ou 8 GB RAM (opcional).
128 GB-256 GB de capacidade de armazenamento (opcional).
Câmara traseira tripla: sensor principal de 12 MP (Sony IMX362), sensor grande angular de 8 MP e sensor de profundidade de 5 MP.
Câmara frontal de 16 MP, com modo de retrato integrado.
Bateria de 4.500 mAh com recarga rápida.
Dimensões e peso: 159,63 x 78,2 x 8,3 milímetros, 183 gramas.
Android 9 como sistema operativo, personalizado com o FlymeOS 8.
Leitor de impressão digital integrado na tela.


Compartilhe