William Shatner é mundialmente conhecido como o Capitão Kirk, da série clássica de Star Trek. Mas sua carreira artística é bem versátil. Incluindo uma “carreira musical”, se é que podemos chamar assim.

Shatner apareceu em muitos talk shows e programas de comédia, fazendo covers de canções famosas. Porém, nunca poderíamos dizer que ele realmente cantava. Ela mais recitava as letras com sua voz profunda, mas sem entoar as notas.

Alguns consideram Shatner um verdadeiro desastre musical. Outros, como uma grande obra humorística. Fato é que ele vai lançar um álbum com covers de canções natalinas.

O álbum “Shatner Claus” vai oferecer clássicos natalinos como Jingle Bells ou Rudolph do Nariz Vermelho, que serão recitadas em parceria de reconhecidos artistas. A pré-venda já está disponível, com preço sugerido de US$ 15 na Amazon (também há uma versão em vinil).

A seguir, a setlist do álbum:

Jingle Bells Feat. Henry Rollins
Blue Christmas Feat. Brad Paisley
Little Drummer Boy Feat. Joe Louis Walker
Winter Wonderland Feat. Todd Rundgren & Artimus Pyle
Twas the Night Before Christmas Feat. Mel Collins
Run Rudolph Run Feat. Elliot Easton
O Come, O Come Emmanuel Feat. Rick Wakeman
Silver Bells Feat. Ian Anderson
One for You, One for Me
Rudolph the Red-Nosed Reindeer Feat. Billy Gibbons
Silent Night Feat. Iggy Pop
White Christmas Feat. Judy Collins
Feliz Navidad Feat. Dani Bender

 

William Shatner foi questionado se ele voltaria a participar de Star Trek, tal e como Patrick Stewart fará em nova série da franquia, quando vai incorporar novamente o Capitã Picard.

Por enquanto, ele descartou a ideia:

 

“JJ Abrams nunca comentou que pensa em trazer de volta o Capitão Kirk, e não sei como isso aconteceria 50 anos depois. Como racionalizar minha aparência atual em relação ao que eu era há 50 anos?

Por outro lado, recentemente contactei uma empresa de realidade virtual, Ziva, e eles fizeram uma versão virtual de mim com 240 câmeras. Então, agora podem produzir o meu corpo e meu rosto de todas as formas, incluindo em como eu era há 50 anos.”