O Qooboo é um robô mascote sem cabeça, ou uma almofada com pelo especial com toque realista inspirado nos gatos, o que lhe oferece um toque “particular”.

O produto tem um sistema avançado que reage de forma “realista” quando recebe carícias e mimos dos seus donos.

Em teoria, a reação, combinada com os seus movimentos, é suficiente para “confortar” o dono. Para obter uma reação mais próxima da realidade, o Qoobo detecta quando o usuário leva muito tempo sem dar carinho e atenção à ele, e começa a mover o rabo de forma aleatória, para chamar a atenção do dono.

Não é o primeiro produto desse tipo relacionado à robótica que vemos. O Gatebox Virtual Robot já tentou isso antes. Mas não de forma tão surpreendente como o gato sem cabeça.

Ele é uma solução simples de mascote (ou de gato sem cabeça), mas nada mais é do que uma almofada com rabo que se move de forma autônoma. No Japão, deve funcionar bem. Mas… será que ele faria sucesso no ocidente?