Samsung Galaxy Z Fold2, e sua maturidade

Compartilhe

Ah, a maturidade…

A experiência não apenas oferece a sabedoria, mas também dá oportunidades de renovação, por mais que isso possa parecer contraditório. Algumas pessoas tendem a ficar mais maduras e, ao mesmo tempo, mais distantes do novo. Já outras usam a experiência na vida para se renovar e ser melhor do que era antes.

A Samsung parece ter aprendido com os erros do primeiro Galaxy Fold, e apresenta um Samsung Galaxy Z Fold2 que melhorou vários aspectos do primeiro modelo, a ponto de parecer um smartphone dobrável de verdade e em versão final. Não chega a ser algo surpreendente, já que boa parte dos produtos que chegam ao mercado sempre deixam a desejar nas suas primeiras versões.

Porém, o Samsung Galaxy Z Fold2 é o típico caso onde um fabricante de tecnologia quer mostrar para todo mundo que aprendeu com os erros do passado, melhorando (e muito) um produto com um conceito diferente do tradicional.

 

 

 

Agora até parece um smartphone dobrável de verdade

 

 

O Samsung Galaxy Z Fold2 apresenta várias melhorias em relação ao primeiro Galaxy Fold e, principalmente, corrige os erros do passado com muita competência.

O novo sistema de dobradiça de tela é mais que bem vindo, com uma parte traseira que entrega uma estética mais elegante e, ao mesmo tempo, eficiente. Sua tela de 7.6 polegadas é confortável para o uso como tablet, além de ser mais funcional para o sistema de multitarefa. E a tela externa, que agora tem generosas 6.2 polegadas, muito mais próximo do padrão atual de smartphones.

 

 

O acabamento melhorou, com mais opções de cores e um tom metálico que é bem chamativo. E as câmeras, que agora recebem a mesma resolução na parte traseria, além das duas câmeras frontais que são rigorosamente iguais, entregando assim a mesma qualidade de imagem para as selfies.

Sem falar nos novos recursos de software, que estimulam inclusive a multitarefa para os usuários que querem ser mais produtivos com o smartphone.

 

 

 

Samsung Galaxy Z Fold2: um belo acerto

 

 

A Samsung acertou em cheio com o Samsung Galaxy Z Fold2, e agora sim temos um smartphone dobrável de respeito. É claro que este não é um telefone para qualquer pessoa, pois não são todos que contam com US$ 2.000 sobrando na conta para investir nesse dispositivo. Por outro lado, temos um smartphone dobrável com cara de telefone premium de verdade, ou um produto em versão final e definitiva.

 

 

De agora em diante, esse conceito vai evoluir para outros patamares. Mas podemos dizer que esse é o primeiro Fold da Samsung que vale a pena fazer o investimento. Se a grana deixar, é claro.


Compartilhe