Samsung Galaxy Z Flip 3 vs YoutTuber: quem venceu? | @oEduardoMoreira Press "Enter" to skip to content
Início » Telefonia » Samsung Galaxy Z Flip 3 vs YoutTuber: quem venceu?

Samsung Galaxy Z Flip 3 vs YoutTuber: quem venceu?

Compartilhe

Olha só que interessante.

Em 8 de junho de 2022, o YouTuber Mrkeybrd começou a transmitir ao vivo um teste de dobra do smartphone Samsung Galaxy Z Flip 3. Mas ele não utilizou uma máquina para o teste: ele fez tudo à mão, por conta própria. E faria os acionamentos da dobra até que o telefone quebrasse.

Sério… é muito tempo livre dedicado a uma única causa…

Além disso, o YouTuber também testou a resistência do dispositivo com terra e areia, além de submergir o smartphone na água.

Vamos ver neste post o que aconteceu no final desse teste.

 

 

 

Uma maratona de dobradas no Samsung Galaxy Z Flip 3

O teste durou cinco dias, e o YouTuber recebeu vários convidados que dobraram e desdobraram o Samsung Galaxy Z Flip 3. E tudo foi feito manualmente porque, de acordo com o Mrkeybrd, um humano dobra o smartphone de forma diferente das máquinas, algo que faz um certo sentido.

Uma máquina não sente cansaço, não adota variação de movimentos e não fica brincando com o dispositivo nas mãos. Muito menos quer pagar de fodão na balada e ficar dobrando o telefone o tempo todo para chamar a atenção da fêmea da espécie durante o processo.

E como o que o Mrkeybrd queria que o teste fosse o mais real possível, ele decidiu fazer com que o teste fosse feito por humanos e longe das máquinas.

É importante deixar claro que, segundo a Samsung, o Galaxy Z Flip 3 pode aguentar a, pelo menos, 200 mil movimentos de dobra, ou cinco anos de uso. Mas é claro que ninguém ia esperar cinco anos para obter os resultados desse tipo de teste. Cinco dias foi tempo mais que suficiente para produzir uma resposta.

Pois bem… os resultados do teste foram simplesmente surpreendentes?

 

 

 

Quem venceu? O homem? Ou o Samsung Galaxy Z Flip 3?

O Samsung Galaxy Z Flip 3 venceu.

Até que o smartphone chegasse ao ponto de se quebrar, ele foi dobrado e desdobrado por mais de 418.500. E o problema se manifestou quando o dispositivo se bloqueou, permanecendo fechado ou completamente aberto. Ou seja, um número muito maior do que o estimado pela própria Samsung.

É importante enfatizar que a dobradiça do Samsung Galaxy Z Flip 3 deixou de ser confiável (e é aqui que eu entendo que o telefone realmente começou a dar problemas) na casa dos 352 mil movimentos de dobra e desdobra. A partir desse ponto o telefone parou de fechar corretamente. Mesmo assim, muito acima do que a Samsung prometeu no seu material promocional.

Por isso, posso dizer que o Samsung Galaxy Z Flip 3 venceu o desafio, e que o marketing do dispositivo passa bem longe de ser mentiroso. Não só o dispositivo cumpre o que promete, como vai além do estimado no aspecto de durabilidade.

E, de fato, as máquinas não realizam os testes da mesma forma que os humanos. E agora você sabe quanto tempo pode pagar de solteiro na balada e ficar brincando com o seu Samsung Galaxy Z Flip 3, abrindo e fechando o telefone como um idiota.

Tá, desculpa. O dinheiro é seu, e você faz com ele o que quiser.


Compartilhe
@oEduardoMoreira